O primeiro-ministro, António Costa, participou esta tarde no Sardoal, distrito de Santarém, numa ação de sensibilização “Raposa Chama” junto de 60 alunos do 1º ciclo, sobre a importância da prevenção para evitar os incêndios rurais.

Numa altura do ano particularmente sensível, devido às altas temperaturas que se fazem sentir, a prevenção e os cuidados a ter devem ser redobrados, para que se possam evitar os incêndios rurais.

Esta foi a mensagem principal transmitida pelo primeiro-ministro português às dezenas de crianças e jovens que estiveram presentes nesta iniciativa.

O projeto “Raposa Chama”, com chancela da República Portuguesa, pretende ser um apelo à ação dos mais novos, desafiando-os a serem embaixadores desta causa – Portugal protegido de incêndios rurais graves.

O grande objetivo é sensibilizar e educar as crianças de hoje que serão os futuros decisores de amanhã sobre os comportamentos de risco de incêndio, acreditando que no presente, podem ter o papel crucial de educar também os adultos, principalmente através da sua rede familiar.

Este ano, o projeto já esteve presente em várias iniciativas, por vários pontos do país, sobretudo junto da comunidade educativa, como por exemplo em Ourique, Gouveia e Odivelas, em que este projeto já chegou a mais de 1 500 crianças.

O “Raposa Chama” integrou ainda o BioBlitz, um evento pedagógico e científico de referência promovido pela Fundação de Serralves, entre 8 e 14 de maio, onde marcou presença com uma oficina que contemplou várias atividades lúdicas para o público infantojuvenil, no âmbito deste projeto, que foi lançado em 2021 e que decorre da campanha nacional ”Portugal Chama. Por Si. Por Todos.”.